O alumínio chegou ao nosso cotidiano há mais de um século, sendo utilizado para eventos a partir dos anos 90. Por se tratar de um material maleável, leve e muito durável, as estruturas em alumínio são uma excelente alternativa que alia facilidade de montagem e transporte a um visual único.

Uma das principais vantagens do alumínio é sua grande resistência à corrosão ambiental. O desgaste natural do alumínio cria uma camada superficial fina, incolor e inerte de óxido de alumínio, que protege as camadas internas do metal. O produto dessa auto-oxidação é incolor e atóxico, mas mesmo com essa proteção inerente ao alumínio é preciso tomar alguns cuidados com o material.

Separamos algumas dicas de como manter a limpeza das peças sem prejudicar sua aparência e durabilidade.

LIMPEZA

Retire a poeira e fuligem das estruturas periodicamente com um pano macio seco. Isso evita que a sujeira acumule e forme crostas nas estruturas, deixando-as com aspecto velho e mal cuidado.

Para uma limpeza mais pesada, lave as superfícies com água e detergente neutro. Uma boa opção é utilizar de mangueiras ou compressores para remover a sujeira superficial e só depois esfregar as estruturas, com o auxílio de uma esponja macia. Também pode ser usado um produto específico para alumínio, levando sempre em consideração as instruções do fabricante.

Caso existam respingos de tinta à óleo, graxa ou similares, pode-se utilizar uma pequena quantidade de solvente diluído em água. Evite produtos abrasivos e ácidos, dando preferência para o álcool. Fique atento também ao acabamento da sua estrutura: caso ela seja pintada ou possua algum acabamento diferente do natural, o solvente pode causar danos estéticos. Neste caso, utilize apenas o detergente neutro.

Certifique-se de remover todos os resíduos de produtos utilizados na limpeza, enxaguando as peças com água limpa.

DICAS DE OURO

  • Retire o excesso de água com um pano macio seco e limpo. Isso ajudará a dar brilho ao alumínio.
  • Evite utilizar esponjas de aço, pois elas podem riscar e arranhar o material. Mas caso seja realmente necessário, utilize a esponja de aço no sentido do tubo para não deixar marcas perceptíveis.
  • Todas as peças Auratec podem ficar no tempo, sem perigo de serem danificadas. Mas é sempre bom evitar o acúmulo de água no interior das peças ou entre elas para manter o visual elegante (não existem riscos estruturais nesse caso, apenas estéticos).

Tem mais alguma dúvida quanto à melhor maneira de cuidar das suas estruturas? Entre em contato pelo Facebookou pelo nosso chat online. Contamos com uma equipe preparada para tirar todas as suas dúvidas.